domingo, 20 de dezembro de 2009

Se tens lá uma prima boa, "trázia".

Afastado pelo mau tempo, que me tem atrasado as obras e o sono, mesmo assim, ao ler mais esta "cavacada", não resisti à vontade que tenho de pegar numa pedra e acabar com este sorriso "pepsodente" eheheh.

"Neste momento, o número de filhos por mulher em Portugal é 1,35. Para conseguir uma reconversão de gerações é preciso dois filhos por cada mulher."

A população mundial duplicou nos últimos 40 anos e se já hoje a fome mata milhões de pessoas, todos os anos e só com recurso a químicos o planeta suporta uma população tão elevada, é lógico que dentro de poucos anos qualquer local remoto da Amazónia parecerá a Caparica num quente domingo de Agosto.
Portanto, parece claro que o excesso de população vai trazer problemas graves ao planeta e, por conseguinte, a Portugal. Tão claro como é clara a dificuldade de emprego por parte de um sector da população, renegado pelo mundo do trabalho por volta dos 40 anos.
É evidente que o aumento da população só interessa aos beneficiários da mão-de-obra barata, porque excedentária.
Alguém informe o "cabecinha de alfinete" de Boliqueime de que o mundo precisa é de sustentar os que cá estão, antes de mandar vir mais e de que se ele tivesse que viver com os ordenados miseráveis dos casais em idade de "procriar", com certeza não andava pelo país a passear o sorriso "pepsodente" em vésperas de Natal.

Em todo o caso, se ele por lá tiver umas primas boas, estou certo de que não faltará quem se disponha a satisfazer-lhe o desejo (a ele, e às primas, of course).

12 comentários:

Cor do Sol disse...

Na semana passada o meu coro cantou para o Pres. Ó que homem seca, sem graça... O melhor de tudo foi ter justificação para faltar ao emprego.lol.

Lia disse...

pois, que isto de ter filhos é só bom a fazê-lo! Se eu (ou a tua filha que parece que tb está a recibos verdes, né?) tivermos um não ganhamos nesses meses...e a criança n se sustenta a si propria, pois n? será que o Cavaquinho me paga o ordenado?

teiasonhos disse...

Galo, mais um ser que eu vou acrescentar à lista daqueles a quem queres bater. Está a aumentar! :)
Pois olha, se querem bebézinhos, então que dêem às mulheres as regalias que têm os outros países da UE, tal como ficar em casa a receber um salário até as crianças terem idade para ir para o infantário. Que isto de se ter um filho e passado 5 meses ir depositar a pobre criança num sítio qualquer o dia todo enquanto se trabalha, não tem jeito nenhum. isto para quem trabalha, que quem não trabalha então nem se fala. Em tempos de crise, falar de bebés é mesmo bonito! :p
*

Sara* disse...

Pois a vontade de ter filhos não diminuio com o passr dos anos, a vida é que é mais complicada-
Antigamente tinham-se mais filhos do que agora seguindo a politico de que tudo se cria, mas se agora formos ver que um colégio é o equivalente ou mais a uma prestação de um crédito habitação, as coisas mudam de figura nao é???
Ter filhos é algo que quero, mas ha que ter calma e tentar orientar as coisas primeiro, se bem que alturas ideais nao existem, a menos que me saia a merda do euromilhões que teima em me escorregar pelos dedos todas as semanas

Princesa disse...

A melhor mensagem de Natal
é aquela que sai em silêncio de nossos
corações e aquece com ternura
os corações daqueles que nos acompanham
na nossa caminhada pela vida.
Desejo-te a ti e teus familiares um

Feliz Natal e um Ano Novo
cheio de Paz, Amor, Saúde e amizade.

BEIJOS DOCES

Martins disse...

Concordo e sublinho! Se já é a desgraça que é como estamos, imagine-se que acontece agr um 'boom' da natalidade e começa aí td a reproduzir-se que nem coelhos como se não houvesse amanhã! Há gente que perde oportunidades mesmo muito grandes para estar calado -.-' Seriously!

Um beijinho Sr. Galo ;)

D* disse...

Sim, se um casal já tem dificuldades em sustentar 1 filho, então como é que era com 2? É o Estado que vai pagar as despesas dos bebés? Bem me pareceu...

Beijinho**

chapeu de sol amarelo disse...

é pena é que seja o Sr, Socras a lixar a possibilidade de haverem mais criancinhas no mundo... Se não desse tanto trabalho aos professores e desse melhores salarios aos polícias, já eram duas classes que contribuiriam substancialmente para a produção de pequenos seres barulhentos...

Mariquita disse...

Acho que a maioria das mulheres continua com o sonho de ter filhos mas a vida não está para essas coisas! Nem para ter um trabalho que dá rendimento! Quanto mais um filho que dá despesa! Porque dores de cabeça dão os dois! =P

Malena disse...

Acho o Cavaco parecido com uma uva passa, mas só no aspecto enrugado e seco! Quanto às crianças, subscrevo o que se disse nalguns posts, tem que haver condições para que haja crianças. Mas eu acho que deve haver crianças! Isto está mau mas não pode durar para sempre! E é muito bom ter um filho! Olha a tua pintainha! Imaginas-te sem ela?
Abraço

Olhos Dourados disse...

Há muita gente a nascer, mas não é em POrtugal.

Pocahontas na Cidade disse...

Ele está a pensar nas nossas reformas :p