quinta-feira, 9 de julho de 2009

Reclamem! Reclamem! E voltem a reclamar

Venho só dizer que, nas últimas 48 horas, tenho tido dificuldades com a internet e que publicar um simples comentário chega a demorar meia hora de tentativas falhadas.
Acabei de descompor os tipos da Vodafone que, ainda por cima, tiveram a infeliz ideia de me empurrarem de um lado para o outro (e os números de apoio ao cliente, da Vodafone, são pagos e não são o que se possa chamar "baratos" e com a internet em baixo tive dificuldade em saber o número correcto), o que só veio contribuir para aumentar a minha ira.
Não sei como os tipos fazem isto, mas o certo é que após um ajuste de contas verbal de deixar corado qualquer adepto de futebol, o certo é que a ligação parece ter ficado restabelecida - prova evidente de que o problema não estava na linha ADSL e sim no próprio servidor ( Vodafone).
É por isso que, cada vez mais, aconselho toda a gente a reclamar. E reclamar veementemente. Nada de falinhas mansas, porque estes tipos só se mexem se nós falarmos mais "grosso" do que eles.
Não há muito tempo deixei duas meninas parvinhas, da Loja do Cidadão, de rabo entre as pernas e três seguranças, com ar de "mauzões" (ai que medo que "eles" me metem, dassssse) em alerta vermelho - porque os seguranças são aqueles fulanos que não servem para mais nada e que fogem quando há um assalto, mas gostam de "armar" com o cidadão vulgar.
Eu sou um "reclamador" nato. Não tenho paciência para gente e serviços incompetentes e detesto que me vão ao bolso.
Se eu pago, religiosamente, as minhas contas no prazo estabelecido no contrato, não vejo razão para a outra parte "se baldar".
Reclamem! Chamem nomes a esses filhos de uma égua! Ameacem abandonar o serviço (e abandonem), porque o que há mais é aldrabões à vossa espera e, assim como assim, enganado por enganado, é preferível ser enganado noutro lado.
Eu nunca volto a tomar um café num local onde fui mal servido uma vez.

7 comentários:

Olhos Dourados disse...

E bem, uma pessoa não os pode deixar abusar!

Patrícia disse...

Eu tb reclamo. E qdo reclamo tb não sou nada meiguinha, portanto fazes mto bem. Vê lá se o problema não ficou logo resolvido.

Patrícia disse...

sim, acho bem que reclamem, quando há fundamentos suficientes para tal.
mas por vezes vejo-me do lado de lá, e custa-me ser agressiva com as pessoas =X que santinha!

a única vez que reclamei feita 'toira', foi por um aumento de ordenado, que não tive. lol resolução: despedi-me :P e quem perdeu foram eles, segundo as/os colegas de todos os departamentos da empresa em questão. sou mais orgulhosa do que reclamante.

=) *

Anjo De Cor disse...

Já somos dois, nunca volto a um sitio onde fui mal atendida uma vez só se for para partir a loiça toda, hehehehehe ;)
Bjs* e bom fds*

S* disse...

Tambem sou vodafone e tambem tenho razoes de queixa. Especialmente porque os gajos me cobram downloads que eu nao fiz. :!

opinião própria disse...

Por vezes parece que as coisas só funcionam sob ameaça...
Mas penso que mais importante do que reclamar é reclamar com razão...

Pronúncia disse...

Bem vindo ao clube dos reclamadores. Farto-me de reclamar, mas tem que ser. E o serviço de internet é um dos piores... e diz o Sr. Sousa que o País está todo coberto por banda larga... eu sempre desconfiei que ele não conhece minimamente o País!

Continua a reclamar! É de reclamadores activos que este País precisa, para ver se avança.

Bom fim de semana :)