quarta-feira, 29 de julho de 2009

Mais uma do "Rei das Berlengas"

Madeira: AR apoia revisão que proíbe comunismo

O PSD começa, aos poucos, a mostrar aquilo que sempre foi.
Depois de Manuela Ferreira Leite pretender "abolir a Democracia por seis meses", agora são os caciques da Madeira a pretenderem abolir o comunismo.
Segundo o DN, …A proposta de revisão especifica ainda que deve ser devidamente esclarecido que "a Democracia não deve tolerar comportamentos e ideologias autoritárias e totalitárias, não apenas de Direito - como é o caso do Fascismo, está expressamente prevista no texto constitucional…

Ora aqui está um problema para o Alberto João resolver, pois os comunistas madeirenses, uma vez aprovada a lei que proíbe o comunismo, podem sempre vir para o "Contenente" ou, em última instância, pedir asilo político a Cuba. Agora não estou a ver a quem é que Alberto João irá pedir asilo político, para ele e mais a cambada da sua laia, depois de a Democracia aplicar, finalmente, a proibição do fascismo na Madeira.

5 comentários:

Patrícia disse...

Confesso que não me 'moío' muito com essas coisas. Aliás, consigo rir-me, apesar de achar de imensamente tristes e pouco inteligentes as citações que saiem da boca desse senhor. (Afinal a estúpida sou eu, que me consigo rir).
A Dra. Manuela Ferreira Leite também foi muito pouco feliz aquando dessa afirmação. Mas dessa, sinceramente, tomei-a sempre por 'um bocadinho mais' que o Sr. Alberto J.Jardim, portanto não estava à espera.

(Ainda me faz confusão que com afirmações desses dois senhores, os 'corninhos' de Manuel Pinho é que deram a volta ao mundo.)

Olhos Dourados disse...

lol, por mim tudo bem, eu não gosto de comunistas mesmo!

Princesa disse...

Meu Deus que fixe
o que eu vim encontrar que blog mais lindo já me fartei de rir, descobri por acaso e não vou perder mais, parabéns

"Mais real que fazer
da vida um sonho,
é fazer do
sonho uma vida,
pois nem sempre
temos a vida que
sonhamos, mas
sempre teremos
um sonho para viver."
Continuação de um bom dia
Beijinhos

S* disse...

É que ja nem dou crédito às baboseiras que o senhor diz...

opinião própria disse...

E porque não também abolir os mandatos sem fim?...